FILME DA VEZ: BULLYING VIRTUAL

terça-feira, maio 22, 2012



Esses dias na Pergunta da Semana levantei uma questão muito séria a respeito de Bullying virtual. Na hora de escolher o Filme da Vez lembrei na hora de um filme muito bom que fala um pouco sobre isso.


Cyberbully (Bullying Virtual)
Sinopse: Taylor Hillridge (Emily Osment) é uma estudante do ensino médio, bonita de 17 anos de idade, mas um pouco desajeitada, e completamente ciente disso. Quando sua mãe lhe dá um computador de aniversário, Taylor fica animada com a perspectiva de liberdade e independência de ficar online sem a sua mãe sempre olhando por cima do ombro. No entanto, Taylor logo se vê vítima de traição e assédio moral, enquanto visitava um site social, e com medo de enfrentar seus colegas na escola, incluindo sua melhor amiga Samantha (Kay Panabaker), ela é empurrada para um ponto de ruptura extrema. É apenas após este evento de mudança de vida que Taylor descobre que ela não está sozinha, encontrando outros adolescentes, incluindo um colega de classe, que tiveram experiências semelhantes. E para impedir que outras pessoas passem pela mesma provação angustiante de sua filha, Kris (Kelly Rowan) - mãe de Taylor -, leva o caso no sistema escolar e na legislação estadual.


O filme por mim: Faz pouco tempo que fui uma das vítimas do bullying virtual sofrendo ataques de pessoas anônimas, quando assisti a esse filme percebi o quanto realmente é seria essa questão de ataques virtuais e principalmente a falta de lei para nos amparar quanto a isso. O filme mostra a luta e a tristeza de uma garota que sofreu bullying virtual e quase não resistiu, mas com o apoio da mãe, grupos de apoio e de muita força e vontade de mudar a situação das coisas ela parte em uma luta para criar uma lei que ampare pessoas que sofrem esse tipo de ataque. Achei um filme impactante e ao mesmo tempo faz a gente perceber que não devemos aceitar tudo, devemos tentar mudar, buscar nossos direitos, fazer a diferença não só para nosso benefício, mas para benefício de outras pessoas que sofram ou venham a sofrer do mesmo problema. Infelizmente aqui no Brasil “a coisa ainda está muito solta” estamos diariamente sujeitos aos ataques de anônimos e praticantes do bullying virtual e da impunidade, mas nunca é tarde pra correr atrás e mudar o curso das coisas e é isso que esse filme quer nos mostrar.


Trailer:


Alguém já assistiu?                                                                                                      



You Might Also Like

15 comentários

  1. Que interessante, não conhecia este filme, entrou na minha wishlist de filmes pra ver em casa no sofá com pipoca, rs! bjs

    http://dezahoffmannmoda.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
  2. Ola flor,
    Nunca assisti, adorei a dica!
    É realmente muito complicado passar por essa e outras situações que nos constrange e ofende, mas temos que dar a volta por cima...

    Ótima semana
    beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Temos sim Vive, mas em certos casos se faz necessário buscar ajuda, ainda mais quando envolve crianças. Bjãooooooo querida.

      Excluir
  3. Parece ser um ótimo filme!Eu já sofri ataques anônimos no blog tbm, é muito chato neh?


    Beijinhos, beijinhos!
    A Garota Veneno!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito mesmo, eu passei por uma situação que achei mais chata que é roubo de foto e ataques anônimos em outro blog. Beijãooooooo linda.

      Excluir
  4. Interessante o filme!! (:
    Nunca sofri nada do tipo mas sei que não é legal.

    Beijo!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Não é mesmo, eu passei por essa experiencia bem ruim a pouco tempo, mas deixei tudo nas mãos de Deus. Bjoooo Camila.

      Excluir
  5. Nossa, não conhecia este filme, mas já gostei pela sinopse!
    Legal a abordagem do filme!

    Bjinhos ;*
    Pâm
    http://chiqueatodaprova.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que curtiu Pâm, se assistir não deixe de me contar o que achou. Bjoooooo

      Excluir
  6. É muito triste existir pessoas que para ser felizes precisem causar sofrimento à outras. Eu fico de olho nas minhas filhas na escola, mas muito atenta mesmo. Elas são pequenas mas morro de medo de que isso possa acontecer com elas - mãe leoa - rs.
    Ótima dica de hoje!
    Bjus
    Um ótimo dia para você!
    Rafaelando

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tem que ser mesmo Rafa, nós que somos adultas já sofremos esse tipo de ataque na internet imagina as crianças. Bjoooooo querida.

      Excluir
  7. nossa
    obrigada pela dica de filme
    adorei o blog
    seguindo vc
    te convido a ir ao meu tb
    bjos

    ResponderExcluir
  8. Nossa interessante nunca sofri esse tipo de coisa mas me preocupo por que isso pode acontecer!
    Gostei da dica!
    Bjkas...

    ResponderExcluir

Estou muito feliz com a sua visita, o blog foi feito para você! Não deixe de participar com o seu comentário. Beijos!

Subscribe