CÍRCULO CROMÁTICO - COMO COMBINAR

terça-feira, junho 30, 2015



Já têm algumas postagens que falei sobre manter a harmonia das cores, se guiando sempre pelo círculo de cores, porém, percebi que não havia falado mais detalhadamente para vocês sobre o que é esse círculo e como analisar as melhores opções de combinações.


O círculo de cores, nos permite ver várias categorias de combinações que conversam muito bem entre si e assim facilita na hora de escolher peças para compor um look. Muitas vezes temos roupas com cores que nem imaginamos que ficariam perfeitas com outras e acabamos caindo na mesmice das combinações. Portanto quero explicar como funciona para vocês.
É uma representação simplificada das cores percebidas pelo olho humano. Na maioria das vezes ele é representado fatiado como uma pizza, com 12 pedaços, onde cada um deles é representado por uma cor. O círculo cromático é composto por doze cores ou 6 cores: as três primárias, as secundárias e as seis terciárias. Este instrumento é utilizado na hora de compor ilustrações coloridas, é uma guia rápida com a qual podemos identificar facilmente as cores complementares, as análogas, as meio-complementares, e outras combinações harmônicas possíveis.


Classificação:
  • Cores primárias: azul-ciano, amarelo e magenta.
  • Cores secundárias: verde, vermelho e violeta.
  • Cores terciárias: vermelho-violeta, vermelho-alaranjado, amarelo-alaranjado, amarelo-esverdeado, azul-esverdeado e azul-violeta.


1. Harmonia monocromática: é resultante de uma mesma cor do círculo das cores, o popular “tom sobre tom”, mesmo que as tonalidades sejam diferentes, elas permanecem no mesmo matiz no círculo. Ou seja, utiliza variações de luminosidade e saturação de uma mesma cor. Essa combinação é ótima para quem deseja alongar a silhueta.

2. Harmonia Análoga: é resultante da combinação de uma cor primária com duas cores vizinhas (um da direita e uma da esquerda) no círculo de cores. Uma das cores será predominante e as outras duas serão apenas para aprimorar a composição do look. 





3. Harmonia Complementar: ocorre quando combinamos cores opostas no círculo de cores. O matiz varia 180° entre uma cor e outra. Quanto mais contrastante, melhor, cores frias com cores quentes ficam perfeitas, mas lembre-se sempre de escolher a cor predominante.





4. Harmonia Tríade: ocorre quando optamos por três cores equidistantes no círculo de cores, criando um mix de cores. Essa combinação oferece um alto contraste visual, mas mantém a harmonia entre elas. 






5. Harmonia do complemento divido: é a combinação de uma cor com as duas vizinhas da cor oposta no círculo de cores. Proporciona grande contraste, mas mantém o equilíbrio da composição.





6. Harmonia dupla complementar: ocorre com a combinação de dois pares de cores complementares entre si. A escolha da cor dominante é sempre a melhor opção para não perder o equilíbrio.







7.  Harmonia Acromática: ocorre coma combinação das cores centrais do círculo de cores, ou seja, cores neutras. São cores com pouca saturação, portanto muito fáceis de combinar.








8. Harmonia da Natureza: não constituem nenhum esquema de combinação específico, mas se referem a combinações da própria natureza, como as cores do outono, da primavera, do verão e do inverno.










Espero que agora facilite para vocês escolherem as cores na hora de compor um look, assim dá para diversificar mais e gastar menos, pois permitirá uma gama de combinações muito mais ampla. Agora é só colocar em prática as dicas e se divertir criando!


Espero que tenham gostado das dicas!                                                                            




You Might Also Like

0 comentários

Estou muito feliz com a sua visita, o blog foi feito para você! Não deixe de participar com o seu comentário. Beijos!

Subscribe