ORGANIZE SUAS FINANÇAS DE FORMA SIMPLES - PARTE I

terça-feira, agosto 23, 2016



Não sei se já falei sobre esse assunto aqui no blog antes, mas creio que não, porém depois que me casei, achei interessante trocar algumas experiências relacionadas a finanças com vocês. Vale lembrar que não só falarei com base nas minhas experiências, mas também sou administradora por formação.


Vemos muitas pessoas falando sobre crise, sobre como tudo anda caro, muitas vivem reclamando que não tem dinheiro para pagar as contas. De fato estamos vivendo um momento um tanto turbulento, contudo, a má administração financeira afeta não só as finanças de uma pessoa, mas traz uma série de consequências que se manifestam em maior ou menor número dependendo de cada pessoa, como, por exemplo, pessoas que invejam outras por não ter o que o outro tem; casamentos que terminam porque um não tem controle sobre os gastos; frustração por não conseguir pagar dívidas; sensação de muito trabalho e pouco resultado, desigualdade, entre outros.
Eu sei que existem inúmeras técnicas de economia, mas o que busco aqui é realmente compartilhar a minha realidade com vocês, não quero algo técnico copiado de um livro ou artigo, minha intenção e realmente ajudar aos poucos a melhorar a administração financeira dos lares.
Minha primeira dica hoje é muito básica e muitos de vocês pode ser que já façam, mas caso ainda não tenham esse hábito, comece hoje escolhendo um caderninho para a contabilidade da casa. A ideia é começar aos poucos e depois criar um hábito. Comece pegando todas as suas contas e colocando diante de você, isso inclui seus carnês, conta de água, luz, telefone, TV a cabo, comida e até mesmo de lazer futuro. Lazer futuro? Isso mesmo! Pense em um lugar que você deseja ir no mês e já separe a quantia necessária para isso, porém lembre-se sempre do seu orçamento, não ostente o que você não pode pagar.


Recomendo começar separando as contas e vendo quantas parcelas ainda faltam para quitá-las. No seu caderninho de contabilidade, coloque mês a mês todas as contas fixas isso inclui todas as citadas acima. Ok, você deve estar pensando, mas meu carnê não é fixo, porém durante os meses que você terá que pagá-lo ele será, então coloque todo lá.
No topo escreva o mês, por exemplo, SETEMBRO, logo abaixo coloque a renda líquida da casa, isso inclui a renda do seu esposo ou esposa, afinal o dinheiro é dos dois. Depois, vá colocando seus gastos um por um e não deixe passar uma bala que você tenha que pagar. Some o total de gastos e diminua do seu valor líquido. Se sobrar algo, separe um pouco para uma poupança, mesmo que seja um valor pequeno. Se o valor das contas for maior que o líquido, sinal vermelho e hora de focar em pagar tudo que você deve antes de pensar em adquirir qualquer coisa. Trace um plano de se manter no foco até quitar essas dividas, isso exigirá determinação, mas os resultados serão recompensadores.


Deixe as desculpas de lado, se você não determinar o fim das dívidas, elas nunca terminarão. Com esforço e aos poucos, você irá se reorganizar. Caso você esteja na linha verde, que é a que eu chamo de linha da boa administração, onde você pagou suas dívidas, reservou um pouco para o lazer e ainda sobrou um pouquinho para poupança, continue nesse caminho, trace metas e permaneça firme até alcançá-las, a ideia é cada vez sobrar um pouco mais para sua poupança, afinal ela será indispensável para pagar o pneu furado repentinamente, aquela viagem para fora do país que você tanto sonha ou para ajudar alguém. 
O princípio que eu acho fundamental é o de anotar qualquer gasto por mais bobo que pareça, as vezes de pouco em pouco, se perde o controle, portanto anote no seu caderno conforme o mês ou meses que estará envolvido com a conta. Não espere o fim do ano, não espere o próximo mês, comece hoje a se organizar, organizar suas finanças, ser correto aos seus compromisso financeiros e sábio com a sua própria vida. Dê o primeiro passo, esteja ciente da sua atual, real e exata situação financeira e crie seu caderno de contabilidade. Esse é o primeiro passo para resultados positivos.


Em breve, espero me aprofundar mais e dar mais dicas que farão com que você repense na sua forma de administração e identifique os pontos fortes a permanecerem e aprimorarem e os negativos a serem definitivamente eliminados.


Alguém já deu o primeiro passo?                                                                                     

You Might Also Like

0 comentários

Estou muito feliz com a sua visita, o blog foi feito para você! Não deixe de participar com o seu comentário. Beijos!

Subscribe